sexta-feira, 27 de fevereiro de 2009

Máscaras

No espírito desta época, penso que posso falar de máscaras. Não das máscaras normais de Carnaval, mas sim aquelas que algumas pessoas insistem em usar. Toda a gente tem algo em si que não aprecia, ninguém se acha perfeito.
Mas e sermos nós próprios?

Algumas pessoas pensam que serão mais felizes se mostrarem aos outros aquilo que esperam delas em vez de mostrarem aquilo que realmente são. É verdade que a curto prazo isto até pode ser verdade. Mas a alguma altura a máscara acaba por cair. E aí aqueles amigos que ganhamos por sermos quem não éramos podem-se afastar.

O dia de Carnaval serve exactamente para sermos outra pessoa, durante momentos. Para imaginarmos, sonharmos, acreditarmos que podemos realmente ser aquela pessoa. Mas depois devemos fincar os pés bem na terra.

Sê tu próprio. Sempre. Sem vergonhas.

3 comentários:

F. disse...

"Sê tu próprio. Sempre. Sem vergonhas."

Adorei :D










"Desculpe, onde é a casa de banho? Já agora era pão de alho para a mesa"

ahahahahahah

vanessa disse...

ta muito fixe o teu blog

xD

beijinho

vanessa

Marianinha disse...

adorei este texto nuninho! :D
beijinho *