quinta-feira, 28 de maio de 2009

Mais um...

29 de Maio de 1993

"Será esse dia tão importante para ti, porque podes afirmar a todos que existes?" É isso mesmo.

Mais um ano passa. Claro que não me sinto velho. Como poderia, com toda a gente à minha volta a fazer 17 aninhos, e eu aqui, ready para o meu Super Sweet Sixteen? Mas também para que é que a idade importa? Sinto-me uma criança por dentro, gosto de brincar, de chocolate e gomas, e de jogar playstation. E mesmo assim, mais um ano passa, E sinto-me mais forte (embora a criança não desapareça). Mais confiante (embora a criança não desapareça). Mais amado (embora a criança não desapareça - e ainda bem)

Perguntam-me se não quero ser mais velho, ser independente... E desde quando é que a partir dos 18 ou dos 21 é que somos independentes? Continuamos a ser dependentes de tantas coisas... Dos vícios, da família (embora que doutra forma), e principalmente: do coração. Nunca se ganha a independência do coração. E será que a queremos mesmo?

Portanto, não anseio pelo marco da independência. Cada momento é um momento e eu VOU aproveitá-lo. E vou olhar em frente com fé, e para trás (apenas para as coisas boas) com alegria de tudo que consegui alcançar (e para as más com alegria por ter aprendido lições importantes)

Faz amanhã 16 anos que nasci. É um dia como outro qualquer, não vou ficar mais sábio nem mais alto, nem mais inteligente. Mas é importante pois, assinala a minha existência. E esse é o meu bem mais essencial.

29 de Maio de 2009

3 comentários:

Helena (: disse...

Parabéns, parabéns, parabéns meu fofinho (:
Da para acreditar q eu sou mais velha do q tu? Mas isso n interessa, pois vamos continuar a manter a criança q temos dentro de nos!

Parabéns amigo :D

Paladar disse...

Parabéns Nuno! Felicidades :')

Marianinha disse...

Eu pensei que tu tinhas feito 17 :O
Estás a ficar grande Nuninho, mas nem assim tens de perder a magia e a eterna criança :p

beijinho *
(aquele bolo era mesmo bom :O)